Translate

segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

O mundo atual está cada vez mais chato!

      As vezes fico pensando como esse mundo atual está chato. Quando era criança me zoavam de baixinho da Kaiser, cabeça d'água, seu boneco, seu barriga e se fosse pra casa chorando meu pai me dava uma surra e mandava-me voltar e zoar também. Não me revoltei com ninguém e até hoje nem esquento, quero mais zoar e ser zoado rsrsrsrs. Hoje tudo é Bullying, muitos pais passam a mão na cabeça de seus filhos e desde cedo os entopem de remédios para superar os traumas sofridos pelo coleguinha. E esquecem que a vida em si o trará muitos mais traumas do que zoação de criança e esquecem de preparar seus filhos para a vida.
      As pessoas hoje se preocupam muito como vão agir, o que falar e o que fazer. Se você tem opinião recebe o rótulo de certinho, detentor do saber, se não tem opinião é chamado de em cima do muro. Se pedirmos a ajuda de alguém para determinada função logo te chamam de preguiçoso, olha lá, não sabe fazer nada sozinho. Aí se começamos a fazer tudo por nós mesmos sem a ajuda de ninguém já começam a nos chamar de individualistas.

       Nossa sociedade atual está ficando dependente de remédios, o remédio virou o escape para tudo se resolver. Estamos perdendo a noção de aprender com o erro, de saber lhe dar com as situações, estamos nos preocupando muito com o outro, no que vão falar no que irão achar. E esquecemos do mais importante que é viver.

       A vida é curta demais para ficar esquentando com isso, é tudo muito simples de se resolver. Quem gostar de você fica e se aproxima e quem não gostar se afaste pronto. Tudo tem jeito, menos a morte e o tempo que já passou!

       Preocupe-se em ser feliz, em ser você e não um modelo que a sociedade lhe impõe. Ame, grite, cante, sorria, dance, iluda, odeie, viva, chore, brinque… Não tenha limites para as ações e atitudes. Seja FELIZ, isso basta.

       Pois, como disse o grande Charlie Chaplin: “A vida é uma peça de teatro que não permite ensaios. Por isso, cante, chore, dance, ria e viva intensamente, antes que a cortina se feche e a peça termine sem aplausos.”


Edgard Brasil
Comentários com xingamentos, ofensas e qualquer tipo de agressão escrita que afete a integridade física e psicológica dos membros desse Blog, serão denunciados, bloqueados e removidos!

O MUNDO CONECTADO COM O LIVRE DA CAVERNA